Rafhael Peixoto

"Nada sei desse mar, nado sem saber, de seus peixes, suas perdas, de seu não respirar..." Como diz a canção de Kid Abelha, nada sei desta perda, mas na inconstância deste não saber, tento edificar-me através das palavras. Sei que é um exercício de consciência, e antes de tudo, de sentimento. Enquanto caminho entre as palavras, descubro a razão de ser humano. Gostou do que leu? Curta a página do meu blog pessoal no facebook (Um olhar sobre o tudo e o nada)

Você está vendo todos os posts de Rafhael Peixoto