6 Motorcycle Clubs dignos de temor

soaDesde criança, motos grandonas, estilizadas com couro e spikes, sempre me chamaram muito a atenção. Eu simplesmente adorava ver as pessoas pilotando  aquelas coisas lindas e chamativas. Lembro de um vizinho que tinha uma moto linda na garagem, e sempre que passava pela casa dele eu babava "um pouco" por ela. Por motivos de segurança, nunca quis ter uma como transporte (nada que me impeça de comprar uma pra ter em casa quando eu for rica - risos).

Para aumentar ainda mais minha admiração, recentemente descobri uma série de 2008 chamada Sons of Anarchy, que é basicamente um relato sobre a vida de um clube de motociclistas do interior da Califórnia, nos EUA. Confesso que, até o terceiro episódio, a história ainda não tinha ganhado meu coração como outras séries, que me piraram o cabeção desde o primeiríssimo episódio. O que me levou a insistir foi a temática mesmo, até porque eu nunca tinha ouvido ninguém nem comentar sobre ela (obrigada, Netflix!). Aqueles caras de preto, com jaquetas superestilosas e feições brutalizadas acabaram me ganhando.

Bem, como se é de imaginar, uma série não se sustenta apenas de pessoas boazinhas que só fazem coisinhas fofinhas e bonitinhas e são sempre certinhas o tempo inteirinho. Jamais. O que é explorado na série é o lado badass dos Sons (com dois defeitos bem chatos, que são o fato de serem totalmente machistas/misóginos e alguns, racistas, mas creio ser parte da realidade dos clubes por aí, então, não tem muito o que se fazer), sendo foras da Lei em detrimento do ideal de manter a pequena cidade fictícia de Charming pacífica e tranquila. Pode parecer meio confuso falando assim, mas assistam à série e vocês entenderão.

Então, no meu vício (o qual resultou em cinco temporadas em, mais ou menos, duas semanas), eu me perguntava qual foi a fonte de inspiração dos produtores. Porque é fato que muitos clubes de motociclistas se envolvem com atividades ilícitas. Vez ou outra sai em algum jornal que tal MC (Motorcycle Club) está envolvido num tiroteio/morte/tráfico de alguma coisa, etc. E isso não passa despercebido pelo nosso imaginário, que está sempre trabalhando para tentar entender como são as coisas. Daí, resolvi dar uma conferida em como são vistos os MCs na América do Norte, e quem tá vinculado à ilegalidade.

É importante ressaltar que, de acordo com o FBI, a maioria massiva de motociclistas nos Estados Unidos não são criminosos. Apenas uma pequena parcela é que comete delitos, e um bocado deles já foi pego em flagrante, graças a agentes e ex-detentos infiltrados nos clubes (uma das poucas formas de se conseguir isso, em vista da dificuldade de se arranjar provas condenatórias por ser um território muito complexo para policiais). No entanto, como sempre tem gente para aprontar, o trabalho deles não acaba nunca, só é importante não generalizarmos, achando que todo motociclista é bandido.

Agora, vamos aos 6 principais clubes ficha-suja:

 1- BANDIDOS MC

bandidosO nome já é bem sugestivo, certo? Correto! Proveniente do Texas e ativo desde 1966, o clube carrega como emblema um mexicano barrigudo usando um sombrero e portando um facão em uma mão e na outra, uma pistola. São 90 grupos espalhados por todo os EUA, e mais alguns grupos na Ásia, Alemanha e Austrália. Todos sob as cores dourada e vermelha, escolhidas porque seu fundador era um ex-veterano da Marinha no Vietnã.

Um de seus principais rivais é Hell's Angels (próximo da lista), e em 2006 um membro do Bandidos foi preso, acusado de assassinar um boxeador pertencente ao clube rival. Além desse e de outros assassinatos, membros são acusados por tráfico de drogas, posse ilegal de armas e extorsão, etc.

Em maio deste ano, o clube se envolveu em um tiroteio em Waco, Texas, que resultou na morte de 9 pessoas e ferimentos em outras 18. Na ocasião, quase 100 pessoas foram presas e mais de 100 armas de fogo, apreendidas. A lista desse clube é bem extensa.

(O "1%" visto na foto refere-se ao que o FBI disse, que apenas 1% dos motociclistas são foras-da-lei. Muitos gostam de "ostentar" esse título de minoria, sentem orgulho de serem poucos, e, por isso, costuram esses patches - que são emblemas - em suas jaquetas/coletes.)

2- HELL'S ANGELS MC

hell's angelsEspalhados pela América do Sul e do Norte, Europa e Austrália, este é, provavelmente, o mais famoso clube de motociclistas. Sabe-se que sua origem encontra-se em algum momento entre 1940 e 1950. Não é possível ser muito precisa quanto a isso, porque o código de sigilo seguido pelo grupo é cumprido à risca. Não só a origem fica obscurecida, um monte de informações morre para o público, o que faz a fama de badass do grupo continuar em alta (porque, né, quem não curte uns mistérios?).

Um dos casos mais notórios, o qual iniciou a popularidade do grupo, aconteceu em 1969, quando supostamente os Rolling Stones contrataram algumas pessoas do Hell's Angels como substitutos de seus seguranças durante um concerto em Altamont Speedway. O resultado foi uma pessoa esfaqueada até a morte no meio da multidão.

Outra enorme confusão se deu num cassino em Nevada, onde membros do Hell's se confrontaram com integrantes do Mongols. A consequência desse encontro desastroso foi um membro do Mongols brutalmente esfaqueado e outros dois do Hell's mortos a tiros.

3- SONS OF SILENCE MC

sons of silenceEles são os donos do lema mais "romântico", de certa forma, do mundo das gangues de motociclistas. Com origem no Latim "Donec Mors Non Seperat", eles repetem os mesmos votos que inúmeros casais já fizeram no dia de seu casamento: "Até que a morte nos separe".

Fundado em 1966 na cidade de Niwot, Colorado, eles até mesmo fizeram parte de um episódio do Gangland no History Channel (2009). Sua maior concentração está no leste dos Estados Unidos, embora estejam espalhados por todo o país. E apesar de o nome ser o mais próximo de Sons of Anarchy, a insígnia e o logotipo não têm nada a ver com os utilizados na série (como dá pra ver na foto).

Durante uma das maiores operações secretas, no ano de 1999, 37 integrantes do Sons foram presos por tráfico de drogas e acusações de terem armas ilegais. A ATF (Bureau of Alcohol, Tobacco, Firearms and Explosivesdivisão federal de controle de álcool, tabaco e armamento estadunidense) apreendeu quase 10 quilos de metanfetamina, 35 armas de fogo, quatro granadas de mão, dois silenciadores, dinheiro e motos.

4- OUTLAWS MC

outlawsO nome significa literalmente foras-da-lei, daí já dá para perceber quão orgulhosos eles são por não fazer parte da maioria honesta de motociclistas. Esse é um dos mais antigos e mais famosos clubes, que começou em Bar na famosíssima Rota 66 em McCook, Illinois, no ano de 1935. O emblema oficial do clube foi inspirado na insígnia da jaqueta de couro de Marlon Brando no filme O Selvagem. O clube é ativo em todo os EUA e é bem estabelecido na Austrália, Europa, Ásia, América do Sul e do Norte.

Prostituição, tráfico de entorpecentes, tráfico de armas, extorsão, assassinato e posse de mercadorias roubadas são apenas alguns dos crimes que condenaram vários membros mundo a fora. O líder mundial da American Outlaws Association e ex-presidente internacional dos Outlaws, Harry Joseph Bowman, estava na lista dos 10 mais procurados fugitivos pelo FBI em 1998, até que foi preso em 1999.

5- MONGOLS MC

mongolsTambém conhecidos como Brotherhood Mongols (sempre rio com esse nome hahahaha peço perdão pelo vacilo), os Mongols surgiram em Montebello, Califórnia, no ano de 1969. O grupo é composto por motociclistas hispânicos que foram rejeitados pelo Hell's Angels por racismo (aqui existe uma grande semelhança com os Mayans, de Sons of Anarchy, que também é formado apenas por membros hispânicos, na maioria mexicanos). Eles estão concentrados principalmente no oeste dos Estados Unidos, mas também marcam presença no Canadá, México e Itália.

Em 2008, um ataque contra o clube foi coordenado pela ATF. Quatro agentes se infiltraram no MC, explorando as atividades da quadrilha. No final da operação, 38 pessoas foram presas, incluindo o presidente, Ruben "Doc" Cavazos. Ademais, 160 mandados de busca foram atendidos e 110 mandados de prisão foram cumpridos. Ainda como parte da punição, é proibido o uso do logotipo ou da insígnia do Mongols MC, seja em coletes ou qualquer vestimenta.

6- PAGAN'S MC

pagansFormado em Maryland em 1959, sua expansão ocorreu em 1965. O nórdico gigante de fogo desenhado na insígnia é Surtr, que está sentado sobre o sol e empunhando uma espada. É um grupo racista, que além da jaqueta de couro, carrega tatuagens nazistas e insígnias da supremacia branca.

Assim como os Mongols MC, um de seus principais rivais é o Hell's Angels, e a rivalidade é sangrenta. Os Pagans' também são associados a vários crimes como assassinatos, tráfico de drogas, incêndio criminoso e estão ligados ao crime organizado na região nordeste dos EUA. Após um ato violento entre Pagans' e Hell's Angels, onde um membro do Pagan's foi assassinado e outros dez motociclistas feridos, 73 pessoas do MC foram presas em Nova York.

*   *   *   *   *

Apesar de todos esses problemas, clubes de motociclistas são fascinantes. Talvez pela irmandade entre os membros, pelo ambiente retratado, não sei, algo faz com que meus olhos brilhem de curiosidade por essa estrutura social. E, vamos combinar, é muito estilo pra pouca gente!


Revisado por Duda Campos.